BLOG

Raio x veterinário: funcionamento e aplicações para animais de pequeno porte

O uso do raio x é comum na medicina veterinária. Isso porque é de rápida execução, não tem alto custo e não é invasivo, ou seja, é ideal para a identificação de problemas de saúde e definição do estágio clínico de animais.

Desse modo, a praticidade do exame de imagem proporciona uma decisão clara sobre o tratamento mais eficaz.

Assim como todo exame, o raio x deve ser realizado somente por profissionais, com todos os cuidados com equipe e paciente.

Ao longo desse conteúdo, será possível saber mais sobre esse tipo de exame nos animais, sua importância e, ainda, uma solução do mercado que visa facilitar o dia a dia dos profissionais veterinários. Boa leitura!

Entenda o que é um raio x veterinário

O exame de raio x veterinário nada mais é do que um método utilizado para diagnóstico, no qual é realizada a emissão de radiações a fim de avaliar todo o animal, incluindo ossos, articulações e tecidos não vistos a olho nu.

É rápido, tem custo atrativo, não invasivo e necessita de anestesia somente em casos extremos, ou seja, é a porta de entrada para realizar uma triagem completa e identificar possíveis problemas de saúde do bichinho.

Contudo, mesmo sendo um exame prático, requer cuidados para que seja executado corretamente, garantindo as melhores imagens. Assim como a qualquer outro exame radiológico, o veterinário deve ter atenção aos mínimos detalhes.

Quando um raio x veterinário é indicado?

O foco principal desse tipo de exame de imagem é auxiliar o médico veterinário na hora de avaliar as estruturas dos animais, como cavidade torácica e abdominal, além de ossos e articulações.

Ou seja, ela possibilita a identificação de possíveis anomalias, principalmente nos animais de pequeno porte. Os casos mais indicados são:

  • possível comprometimento de tecidos ósseos e articulações;
  • alterações das estruturas presentes na cavidade torácica e abdominal;
  • ingestão de objetos estranhos que não transmitem radiação;
  • possíveis torções gástricas;
  • tumores;
  • suspeita de ruptura de bexiga;
  • análise de quantidade de fetos;
  • análise de dentição;
  • possíveis cálculos urinários radiopacos;
  • análise de todo trânsito intestinal, possíveis alterações na cavidade oral e nas articulações da mandíbula;
  • verificação da cavidade nasal;
  • avaliação dos seios frontais;
  • suspeita de displasia coxofemoral;
  • detecção do local exato de fraturas e luxações;
  • verificação de silhueta cardíaca, pulmões, diafragma, traqueia e esôfago torácico.

Importância da captação de imagens de qualidade

O raio x veterinário se tornou um exame de imagem comum, presente em inúmeras clínicas, porém ainda é escasso o número de profissionais especializados, o que eventualmente pode gerar problemas por conta de radiografias sem qualidade.

Por isso é fundamental que a equipe seja preparada, além de ter equipamento regulado, tudo para que a imagem tenha foco preciso e alta resolução, a fim de proporcionar uma análise limpa das imagens coletadas.

É importante ainda manter o animal confortável e bem posicionado, sem esquecer todos os equipamentos de proteção para pacientes e profissionais. Assim, as imagens serão da melhor qualidade, e o animalzinho passará por um exame tranquilo, seguro e sem estresse.

Aposte em raio x veterinário portátil

Os aparelhos de raio x portáteis atuam como uma câmera fotográfica à base de baterias, além de serem leves e compactos, facilitando a mobilidade dos médicos veterinários.

São usados em vários segmentos, melhorando a qualidade de todos os serviços e diagnósticos realizados nas clínicas. É o caso do raio x portátil – Canis 5C.

Indicado para atendimento domiciliar, é um equipamento pequeno, de fácil manuseio e alta potência. Com imagens de alta resolução, produz radiografias nítidas e precisas, identificando lesões, fraturas e demais condições de saúde dos animais que têm dificuldade de locomoção ou nenhuma mobilidade.

Quer um aparelho eficiente para a sua clínica veterinária? Então entre em contato conosco agora mesmo!

Vá em busca dos melhores cuidados para os seus pacientes de quatro patas. Conte com uma equipe que entende do assunto e está pronta para auxiliar você na hora de adquirir um bom aparelho e equipamento.

Qualquer dúvida, não hesite em contatar nossa equipe de especialistas!

Mais Conteúdos
Saiba quais os benefícios de visualizar imagens com o DICOM